6 destinos para fazer turismo religioso

Viajar é, sem dúvida, uma das melhores coisas da vida! E existem alguns destinos específicos que mexem com as nossas emoções, principalmente por fatores religiosos. Mesmo pessoas que não sejam praticantes de nenhuma religião costumam se emocionar em certos países, seja pela carga emotiva que o local carrega, ou a história religiosa que aconteceu por ali. São muitas razões diferentes! Pensando nisso, a Listen & Learn Brasil resolveu compartilhar destinos incríveis se o seu intuito é fazer turismo religioso.

1. Fátima, Portugal
Quem teve a criação católica e fez catecismo conhece bem a história dos três pastorinhos. Em 1917, as crianças Lúcia, Francisco e Jacinta foram testemunhas de aparições da Virgem Maria na cidade de Fátima, em Portugal. Por isso, o local ficou famoso e atualmente, as atrações principais são a Basílica de Nossa Senhora do Rosário de Fátima, a Igreja da Santíssima Trindade e Capela das Aparições. O local atrai cerca de 5 milhões de turistas todos os anos.

Fatima_plein

Fátima é a cidade mais religiosa de Portugal/ Foto via Wikimedia

2. Vaticano
O Vaticano é a principal sede do catolicismo no mundo. Fica localizado dentro de Roma, porém, é considerado um estado independente. É imprescindível conhecer a Basílica de São Pedro, a Capela Sistina e os Museus do Vaticano. Vale lembrar que o teto da Capela Sistina é um dos locais mais esperados da visita, visto que ostenta um belo teto pintado pelo famoso pintor italiano Michelangelo (não é permitido tirar fotos e nem falar dentro da capela). Outro motivo muito importante para conhecer o Vaticano é ver o carismático Papa Francisco, que dá uma benção ao povo todo domingo, na Praça de São Pedro.

St_Peter's_Square,_Vatican_City_-_April_2007

O Vaticano é considerado o menor país do mundo/ Foto via Wikimedia

3. Jerusalém, Israel
Jerusalém é conhecida mundialmente por abrigar diversos lugares sagrados das três religiões monoteístas do mundo. A Igreja do Santo Sepulcro (Via Sacra) representa o cristianismo e foi construída no local onde Jesus foi crucificado e sepultado antes de sua ressurreição. O Muro das Lamentações pode ser considerado um templo sagrado para o judaísmo, pois ali se encontra o último vestígio do Segundo Templo. Já o Islã é representado pela Cúpula da Rocha, que tem a ver com o local em que Maomé subiu aos céus. Ainda representando o islamismo, existe a pedra onde Abraão ofereceu seu filho em sacrifício.

Jerusalem_Israel,_Jerusalém_-_Muro_das_Lamentações_(5171714321)

Muro das Lamentações é extremamente sagrado para os judeus/ Foto via Wikimedia

4. Varanasi, Índia
A Índia é um local muito marcado pela forte espiritualidade e tradições religiosas. A cidade de Varanasi (ou Berane) é extremamente sagrada para o hinduísmo e o budismo. A história conta que o local foi gerado a partir de uma lagrima de Shiva que caiu a beira do Rio Ganges. Inclusive as águas deste rio também são consideradas sagradas para os indianos - por isso é uma espécie de tradição jogar as cinzas dos mortos no Rio, ou tomar banho dentro dele ou então rezar ao redor do local.

varanasi

O Rio Ganges é quase mitológico para os indianos/ Foto via Wikimedia

5. Meca, Arábia Saudita
Meca é o mais importante destino religioso do islamismo no mundo. Inclusive todo muçulmano deveria ir neste local pelo menos uma vez na vida. O Santuáro de Kabba fica localizado no centro da cidade, e é lá que a pedra negra pode ser encontrada. Segundo a lenda, essa pedra ficou desta cor por conter os pecados dos que ali pediam perdão, e ela foi dada a Abraão pelo Arcanjo Gabriel.

279803013_b23181dde1_o

O Islã acredita que todo bom muçulmano deve fazer uma peregrinação à Meca/ Foto via Flickr

6. Kioto, Japão
Esta cidade contém cerca de dois mil templos e é considerada um importante centro cultural e religioso. Kioto é especialmente sagrado para as religiões budistas e xintoístas. Além de ser caracterizada pelos belíssimos jardins japoneses e cerejeiras. Vale lembrar que a mistura do budismo com o xintoísmo são bem comuns no Japão.

KyotoFushimiInariLarge

O Fushimi Inari Tasha é um dos templos mais famosos de Kioto/ Foto via Wikipedia

Fazer turismo já é gostoso de qualquer forma. Imagina então conhecer lugares tão sagrados para tantas religiões diferentes? Claro que se você tem vontade de conhecer estes locais, é importante falar um outro idioma. É para isso que nós estamos aqui! É só fazer um teste de nível online e GRATUITO do idioma que você quer aprender e vir estudar com a gente!